O Senado Federal finalizou a votação de duas matérias que tratam sobre Reforma Eleitoral nesta semana. Os textos haviam sido previamente aprovados pela Câmara dos Deputados e apresentavam mudanças nas propostas para as eleições 20222.

Contudo, embora tenham sido aprovadas no Congresso Nacional, destaca-se que não estão valendo de imediato, ainda é necessária a etapa final de ambas propostas, promulgação de uma e sanção de outra, para que de fato faça parte do ordenamento jurídico eleitoral do Brasil.

Nesse sentido, a Fundação da Ordem Social analisou os principais pontos da proposta e elaborou um resumo dessas mudanças. Acesse o link e acompanhe :

Reforma Política 2021 – Versão Site